shopping-bag 0
Items : 0
Subtotal : R$0,00
View Cart Check Out

REGRAS

⚠ SOBRE JOGOS, WO OU WO DUPLO

Art. 13. Cada técnico, individualmente, tem o dever de observar o calendário da temporada e procurar contato com seu adversário para a realização das partidas.

  • Se o técnico não conseguir contato com o técnico adversário, e esgotar o prazo para a realização do confronto, o técnico que tentou, de boa-fé, realizar a partida e não obteve êxito por erro do adversário, terá o prazo até o último dia da rodada para justificar a não realização da partida, colhendo provas (prints e áudios), entregando-as a federação que irá analisar e determinar o resultado do jogo.

NÃO SERÁ ACEITO JUSTIFICATIVA DE HIPÓTESE NENHUMA APÓS O PRAZO FINAL DETERMINADO DA RODADA EM QUESTÃO, SERÁ CONSIDERADO DERROTA POR WO SIMPLES OU DUPLO CASO A JUSTIFICATIVA NÃO SEJA FEITA DENTRO DO PRAZO.

 

  • Se nenhum dos técnicos fizer contato um com o outro e a partida não for realizada dentro do prazo previsto, será considerado WO duplo e computada derrota para ambos os times

 

⚠ SOBRE AS FOTOS RECOLHIDAS

 

Art. 15. Após o fim de cada partida, é obrigatório aos dois técnicos colherem provas da realização da partida, tirando foto do resultado.

  • Os jogadores deverão tirar foto e enviar para a Federação as seguintes telas após o jogo:)

I – Do resultado final do jogo;

II – Dos autores dos gols do jogo;

III – Da tela de cartões aplicados no jogo;

IV – Das notas atribuídas aos jogadores do seu time e adversário.

 

 

⚠ JOGADORES DISPENSADOS

Parágrafo único. A rescisão com jogadores de overall acima de 78 (setenta e oito) pontos gera o leilão de dispensas, no qual todos os jogadores que se enquadrarem nesta qualidade serão leiloados e, caso não arrematados, liberados para scout.

 ADIAMENTOS

Art. 48. Todos os jogos deverão ser realizados dentro do prazo estipulado no calendário publicado pela Federação antes do início dos respectivos campeonatos, sendo permitido o adiamento conforme descrito abaixo:

Art. 49. Os players poderão solicitar um único adiamento por turno, não podendo ultrapassar o último dia da rodada seguinte para realização da partida em atraso. Situações excepcionais serão analisadas pela federação.

Art. 50. Não será possível adiar jogo das fases eliminatórias (mata-mata) dos campeonatos que possuem este sistema.

Art. 51. O adiamento é direito do técnico, não sendo permitido à outra parte que o recuse.

1º Ainda que vedada a recusa, a nova data deverá ser marcada de comum acordo entre os técnicos.
2º Na eventual hipótese de a parte que sofreu o adiamento não puder jogar na data aprazada, terá ela também direito a solicitar a Federação o remanejamento do jogo.
3º Em ocorrendo o disposto no §2º, o prazo fatal para o jogo ser realizado será a data do remanejamento.
4º Se, mesmo após ocorrer o descrito no §3º, o jogo não ocorrer, será aplicada a regra do artigo 13 deste Regimento.

⚠  ADIANTAMENTOS

Art. 52. É permitido o adiantamento de partidas.

1º Somente será permitido o adiantamento das rodadas em sequência, de modo que se o jogador quiser adiantar o jogo da 8ª rodada, deverá já ter jogado os jogos da 1ª a 7ª rodadas, e assim por diante, observadas ainda as seguintes exigências:

⚠  CARTÕES VERMELHOS

Art. 53. Serão computados os cartões vermelhos para fins de suspensão dos jogadores nos jogos posteriores à rodada em que tenham sido suspensos.

Art. 54. Ao fim de cada partida, cada jogador deverá tirar foto da tela pós-jogo na qual são mostrados os cartões vermelhos aplicados no jogo em comento.

Art. 55. Para efeito de suspensão no jogo da rodada subsequente será considerado apenas o cartão vermelho.

Art. 56. A utilização de jogador suspenso, por cartão vermelho, sujeita o infrator à perda dos pontos da partida em que utilizou o jogador irregular, bem como à perda de 20 (vinte) pontos de reputação no ranking geral de reputações.

Parágrafo único. O jogador suspenso terá de cumprir suspensão, ainda, por mais duas rodadas além daquela que jogou irregular.

 ⚠ COMO GANHAR REPUTACÃO

Art. 59. A cada vitória em jogo da Liga, o técnico ganhará os seguintes pontos de reputação:

I – Se da série A, 10 (dez) pontos;

II – Se da série B, 8 (oito) pontos;

III – Se da série C, 6 (seis) pontos;

IV – Se da série D, 4 (quatro) pontos;

V – Se da série E, 3 (três) pontos;

1º A cada vitória em jogo da Champions League, Europa League, Copa Clubes, o técnico ganhará os seguintes pontos de reputação:
I – Champions League: 10(dez) pontos mais 1 (um) ponto para cada diferença de divisão do oponente, se for de divisão superior;

II – Europa League: 8 (oito) pontos mais 1 (um) ponto para cada diferença de divisão do oponente, se for de divisão superior;

III – Copa Clubes: 6 (seis) pontos mais 1 (um) ponto para cada diferença de divisão do oponente, se for de divisão superior;

Art. 60. A cada empate em jogo da Liga, o técnico ganhará os seguintes pontos de reputação:

I – Se da série A, 5 (cinco) pontos;

II – Se da série B, 4 (quatro) pontos;

III – Se da série C, 3 (três) pontos;

IV – Se da série D, 2 (dois) pontos;

V – Se da série E, 1 (um) ponto;

Parágrafo um. A cada empate em jogo da Champions League, Europa League e Copa Clubes o técnico ganhará os seguintes pontos de reputação.

I – Champions League: 5 (cinco) pontos;

II – Europa League: 4 (quatro) pontos;

||| – Copa Clubes: 3 (três) pontos.

Art. 61. A cada pagamento de mensalidade, o técnico ganhará a seguinte pontuação de reputação:

I – 20 (pontos)

Art. 62. Para os campeões, vices e terceiros colocados nas Ligas, serão conferidas as seguintes reputações:

I – Série A:

a) Campeão: 80 pontos;
b) Vice-campeão: 50 pontos;
c) Terceiro colocado: 40 pontos;
II – Série B:

a) Campeão: 60 pontos;
b) Vice-campeão: 40 pontos;
c) Terceiro colocado: 30 pontos;
III – Série C:

a) Campeão: 45 pontos;
b) Vice-campeão: 30 pontos;
c) Terceiro colocado: 20 pontos;
IV – Série D:

a) Campeão: 35 pontos;
b) Vice-campeão: 20 pontos;
c) Terceiro colocado: 15 pontos;
V – Série E:

a) Campeão: 25 pontos;
b) Vice-campeão: 15 pontos;
c) Terceiro colocado: 10 pontos;
Parágrafo único. Para os campeões e vices da Champions League, Europa League e Copa Clubes, serão conferidas as seguintes reputações:

I – Champions League:

a) Campeão: 70 pontos;
b) Vice-campeão: 35 pontos;
II – Europa League

a) Campeão: 50 pontos;
b) Vice-campeão: 25 pontos;
III – Copa Clubes

a) Campeão: 40 pontos;
b) Vice-campeão: 20 pontos;

Art. 63. Para o técnico detentor do jogador artilheiro de cada competição serão conferidas as seguintes reputações:

I – Se da série A, 12 pontos;

II – Se da série B, 10 pontos;

III – Se da série C, 8 pontos;

IV – Se da série D, 6 pontos;

V – Se da série E, 4 pontos;

VI – Se da Champions League, 12 pontos;

VII – Se da Europa League, 10 pontos;

VIII – Se da Copa Clubes, 10 pontos.

Art. 64. Para o técnico detentor do jogador bola de ouro da competição serão conferidas as seguintes reputações:

I – Se da série A, 12 pontos;

II – Se da série B, 10 pontos;

III – Se da série C, 8 pontos;

IV – Se da série D, 6 pontos;

V – Se da série E, 4 pontos;

VI – Se da Champions League, 12 pontos;

VII – Se da Europa League, 10 pontos;

VIII – Se da Copa Clubes, 10 pontos.

1º O bola de ouro da competição será aquele jogador que obtiver o maior somatório de notas computadas nas fotos da tela das notas de jogadores.

Art. 65. Bônus Defesa menos vazada e Ataque mais positivo:

Parágrafo primeiro. O bônus de defesa menos vazada será entregue ao técnico do time que levar menos gols:

I – Se da série A, 12 pontos;

II – Se da série B, 10 pontos;

III – Se da série C, 8 pontos;

IV – Se da série D, 6 pontos;

V – Se da série E, 4 pontos;;

Parágrafo segundo. O bônus de ataque mais positivo será entregue ao técnico do time que fizer mais gols:

2º A Champions League, a Europa League e a Copa Clubes, não contarão com as premiações deste artigo.

 ⚠ ANTIDOPING

Art. 69. Qualquer alteração que o técnico tenha feito nos atributos e na posição do jogador, no menu “Editar jogador” do FIFA, será considerada como doping, salvo o seu número da camisa.

1º Se aquele a quem couber (o ganhador ou os dois técnicos em caso de empate) não fizer o exame antidoping:
I – Será considerado vitorioso o oponente.

II – Sofrerá uma perda de 20 (vinte) pontos no ranking geral de reputação.

2º Na hipótese de empate, caso nenhum dos dois técnicos faça o exame antidoping, será computado Derrota dupla, assim sofrendo uma perda de 20 (vinte) pontos no ranking geral de reputação para cada técnico.

Art. 70. O procedimento de antidoping, resumidamente, se dará da seguinte forma:

I – Após terminar a partida, o ganhador do jogo, ou se for empate, os dois técnicos, deverão aguardar e não sair da tela final;

II – Os técnicos deverão se comunicar pelo whatsapp ou por voz no próprio whatsapp, devendo o perdedor da partida ou em caso de empate os dois técnicos, solicitarem ou não o vídeo ANTIDOPING, em um prazo de 3 (três) minutos após a partida. Sendo feito o pedido, o técnico deverá escolher 3 (três) jogadores do oponente para irem para o exame antidoping.

III – Depois de decidido os jogadores do antidoping, os técnicos deverão gravar a tela do jogo desde a tela final da partida disputada até o menu do FIFA, “Opções”, “Edições” e então “Escalações”;

IV – Após adentrar no menu das escalações, o técnico deverá passar detalhadamente todos os atributos do jogador escolhido para o exame antidoping;

V – Feito isso, o técnico deverá salvar o vídeo e enviar ao técnico solicitante.

1º Este artigo prevê regras básicas, de modo que o procedimento completo poderá ser encontrado no site do Craque Digital.
2º Justamente por prever regras básicas, também deverão ser atendidas as regras contidas no vídeo e na página explicativa do site do Craque Digital, cuja desobediência também poderá acarretar sanção para os infratores, inclusive conforme prevê o artigo 70 deste Regimento.

Art. 71. Uma vez realizado o exame antidoping, o técnico deverá fazer o upload do vídeo no Youtube, preferencialmente, encaminhando o link, posteriormente, para o adversário, que analisará o vídeo e se tiver dúvidas ou identificar qualquer irregularidade deverá imediatamente comunicar a Federação.

1º O vídeo do exame antidoping deve ser enviado para o adversário em um prazo de até 12 (doze) horas após o fim da partida realizada.
2º Caso o player não cumpra o prazo descrito no §1º, sofrerá derrota pela falta do vídeo dentro do prazo estipulado e perderá 20 (vinte) pontos de reputação.

Art. 72. Caso o jogo seja interrompido durante o seu curso, o exame antidoping será opcional, e deverá ser requerido pelo oponente imediatamente após interrupção do jogo. 

Art. 73. Tendo sido algum jogador flagrado no exame antidoping, o seu treinador será terminantemente banido do campeonato.

 DEMISSÃO POR WO

IV – Quando o técnico acumular 2 (dois) WOs dentro de um turno de um campeonato, em uma mesma competição, treinando o mesmo clube, ainda que não sejam consecutivos.

Leave a Reply