botao manager

Guia Série B

A Série B parece ficar mais difícil a cada temporada que passa. Quem diria, depois da passagem de Clayton e Gabriel pela segunda divisão do Craque Digital, que nós teríamos um campeonato tão acirrado quanto o que promete ser a Série B na Temporada 7? Para fins de Guia eu tive que selecionar um candidato ao título e um ao rebaixamento, mas eu sinceramente não acredito que nada esteja definido, ou mesmo que existam favoritos ou preteridos dentre os times que estão disputando a segundona. E essa igualdade fica evidenciada abaixo.

selo-z4

Arsenal

Técnico: Sheik Alecir

Última temporada: 7ª posição

Objetivo: Fugir do rebaixamento

 

 

 

 

 

 

 

 

                     

Destaque: Z. Ibrahimovic         Fique de olho: M. Lanzini

Principais chegadas: Ibrahimovic

Principais saídas: Payet e Sergio Busquets

Fuck Off You Gunners! Sempre digo isso, mas o Sheik Alecir me faz pensar duas vezes antes de dizer. Até porque teria um delay entre a minha fala e a resposta dele. Afinal, jogar de seu oasis nos Emirados Arabes tem suas desvantagens. Dono de um estilo tão pragmático quanto o Maior de Londres (Spurs), o técnico Alecir sofre com a falta de precisão. Apesar de contar com uma força ofensiva de causar inveja, o menor de Londres sofre com a má pontaria. Mas não se engane, ele pode perdoar uma vez, mas não perdoa duas. Ibra e Sturridge vão brocar em você. Fiquem ligados!

Bayer Leverkusen

Técnico: Gustavo Neiva (“Nega”)

Última temporada: 3ª Posição

Objetivo: Classificação competição europeia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                           

Destaque: Aritz Aduriz               Fique de olho: Iñaki Williams

Principais chegadas: Aduriz,  Giovinco, Henderson e Rojo.

Principais saídas: Rondón, Mané e Sissoko.

Tchau, Sissoko. Adeus, Rondón. Até logo, Mané. O técnico Gustavo Neiva se despediu de seus negros maravilhosos na última janela de transferências e agora confia em três branquelos para carregarem o seu time. Jordan Henderson, James Milner e Aritz Aduriz. Os dois meias ingleses ditam o ritmo e controlam o jogo. Todas as jogadas passam pelos pés de um dos dois maestros. E se as jogadas começam nos pés dos maestros, terminam nos pés do carrasco. Aritz Aduriz é o matador. Fazendo gols de tudo quanto é jeito, o experiente atacante espanhol ganhou os holofotes depois de maduro, mas faz gols com tanta ferocidade quanto a Alemanha no Brasil. Sai de mim, Aduriz.

Benfica

Técnico: Luca Bueno

Última temporada: 4º posição

Objetivo: Classificação competição europeia

 

 

 

 

 

 

 

                

Destaque: Bernardo Silva             Fique de olho: J. Seri

Principais chegadas: Marek Hamsil, Lindelof, Vrsaljko e Pirlo.

Principais saídas: Matip, Lichensteiner e André André.

Se tem alguém mais gato e boa gente que o novo técnico do Benfica, eu não conheço. Luca, o jornaludo, assumiu o time português após ser rebaixado com o Liverpool ao final da temporada passada. Mas, apesar da má experiência na Série A, o técnico paranaense não deixou isso afetar seu trabalho. Assumiu o Benfica para fazer o time do Estádio da Luz voltar a brilhar (rs). A compostura e a qualidade no passe do técnico Luca o acompanham há tempos, mas desde que encontrou o português Bernardo Silva, Luca desenvolveu a característica de dribludo também. Liso que nem sabonete, o paranaense faz o meia português fazer mágicas com os pés. Fechem as pernas e cubram as cabeças, porque o Benfica vai distribuir canetas e chapéus por aí.

Galatasaray SK

Técnico: Bruno Fióti (“Fiboti”)

Última temporada: Vice-campeão da Série C

Objetivo: Classificação competição europeia

 

 

 

 

 

 

 

                                  

Destaque:  Welsey Sneijder        Fique de olho: Raphael Guerreiro

Principais chegadas: Raphael Guerreiro, Daniel Podence, Saúl (empréstimo).

Principais saídas: J. Wilshere.

O futebol turco está em baixa. Após o técnico Mamaeu assumir o Fenerbahçe, o mundo viu o Galatasaray perder o rainha Thiago Stayner e acabar contratando o nadinha Bruno Fiboti. Brincadeiras a parte, o técnico Bruno sabe que terá um caminho árduo pela frente. Depois de duas temporadas muito bem sucedidas do técnico Stayner, o Gala espera grandes coisas do novo técnico. O estilo ousado de jogo, somado com a qualidade dos jogadores pode fazer com que o Galatasaray continue na ascendente. Porém, a ousadia também arriscada. Como diria minha vó, quem muito ri, acaba chorando. O estilo de jogo é leve, mas em alguns momentos beira o relaxado. A Série B será o maior desafio do técnico paulista desde que chegou ao Craque. Vamos ver do que ele é capaz.

Internazionale de Milão

Técnico: Diego Guimarães

Última temporada: 9ª posição na Série A (rebaixado)

Objetivo: Classificação competição europeia

 

 

 

 

 

 

 

                        

Destaque: Lionel Messi          Fique de olho:   Anthony Martial

Principais chegadas: Anthony Martial, Sergio Aguero, Eric Bailly e David De Gea.

Principais saídas: Eden Hazard, Felipe Anderson, Harry Kane e Donarruma.

Se tem cara que só namora mulher bonita, como é meu caso. Tem técnico que só comanda time grande, como é o caso do professor Diego. PSG, Barcelona e agora Inter. Pressão não deve ser um problema para quem está sempre metido em briga de cachorro grande. Muito fatal nos contra ataques, o técnico já causa arrepios nos adversários, ainda mais agora, com Messi e Hazard em campo. Porém, o técnico Diego é outro que poderia fazer chover com os inúmeros elencos estrelados que comandou, mas que também ficou só na garoa. É como tio Ben dizia: “Com grandes poderes, vem grandes responsabilidades.” Ou seja, se o Diego não ganhar a Série B e a UEFA Europa League, vou pedir a cabeça dele.

Liverpool

Técnico: Clayton Moraes

Última temporada: 10ª posição na Série A (“rebaixado”)

Objetivo: Candidato ao título

 

 

 

 

 

 

 

                     

Destaque:Roberto Firmino        Fique de olho: T. Abraham

Principais chegadas: Matip, Lichensteiner, T. Abraham e Kevin Strootman.

Principais saídas: Marek Hamsik, Ross Barkley e Belhanda.

Apesar da decepção da temporada passada, o Liverpool começa a Temporada 7 cheio de expectativas. A chegada do técnico Clayton, depois de deixar todos atônitos, deixou, também, os torcedores do Liverpool muito eufóricos. O estilo ofensivo do técnico brasileiro, combinado com sua marcação agressiva, faz com que qualquer time comandado por ele, seja temido pelos adversários. Roberto Firmino também pode ser entitulado de craque do time. Atacante versátil ou meia ofensivo? Desde os tempos de Hoffenheim existe o debate. A unica coisa da qual todos tem certeza é que essa combinação pode ser fatal.

Juventus

Técnico: Magno “Alves”

Última temporada: 8ª posição

Objetivo: Permanência

 

 

 

 

 

 

 

                 

Destaque:  Diego Costa       Fique de olho: Alex Sandro

 

O técnico Magno dispensa apresentações. Com um esquema tático sólido e muito forte, ganha os jogos nos detalhes, muitas vezes dando espaço para os adversários, mas sem perder o controle do jogo. Os “irmãos Costa” comandam o ataque, enquanto Claudio Marchisio e (alguém) cuidam da transição defesa ataque. A bem da verdade é que os times do técnico Magno pouco vacilam, o que obriga os adversários a não vacilarem também. Em sua primeira temporada completa na Juventus, espera-se que o pofexô brasileiro vá longe nas competições.

Milan

Técnico: Lucas “Baby” Caratiero

Última temporada: 6ª posição

Objetivo: Permanência

 

 

 

 

 

 

 

 

                

Destaque: Daniel Alves    Fique de olho: Thauvin

Principais chegadas: Thauvin, Gignac e Dani Alves (empréstimo)

Principais saídas: Benzema (empréstimo), Arda Turan (empréstimo).

Baby! Baby! Baby! Oooooh! Apesar de ter conquistado o título da Série D na Temporada 4, o técnico Lucas Caratiero ficou famoso por ter tirado o Milan do técnico Dahniel (rs). Também conhecido por abusar da velocidade de seus jogadores, o Baby Caratiero, apesar de ser o melhor da família Caratiero tem encontrado dificuldades após subir de escalão no Craque Digital, tendo flertado co, o rebaixamento na temporada passada. Ainda aspirante na arte de passar manta nos colegas do Craque, o técnico mirim tem praticado bem com as parcerias com p técnico Erick, que aparentemente vive no Alasca e está sempre com frio. E apesar de ter um elenco fortíssimo, o jovem técnico pouco fez desde que assumiu o Milan. Vejamos se conseguirá superar as últimas apresentações e beliscar alguma coisa.

Napoli

Técnico: Lucas “Napoli” Ferreira

Última temporada: 5ª posição

Objetivo: Classificação competição europeia

 

 

 

 

 

 

 

                       

Destaque:  James Rodríguez     Fique de olho: Dries Mertens

 

Dries Mertens. Lorenzo Insigne. Mesut Özil. James Rodríguez. Sentiu o drama. Esse é o quarteto ofensivo do Napoli de Lucas Ferreira. Dono de alguns dos canhotos mais feras do futebol mundial, o técnico federudo é um dos peritos em chutes de fora da área. Alguns já o chamam também de técnico pa-pum. O famoso abriu, bateu. Estilo de jogo sólido que confia na qualidade de seus jogadores para ganhar jogos. O que tem faltado mesmo são os títulos. Será que dessa vez vem?

Tottenham

Técnico: Hebert “Gaguito”

Última temporada:Campeão da Série C

Objetivo: Classificação competição europeia

 

 

 

 

 

 

 

 

              

Destaque:  C. Benteke       Fique de olho:  L. Goretzka

Principais chegadas: Pepe e Ahmed Musa.

Principais saídas: T. Alderweireld e Vanqueour.

Come On You Spurs! Nunca pensei que diria isso, mas meu sonho é o Tottenham cair pra eu pode assumir o meu time do coração logo. O problema é que isso esta muito longe de acontecer. O técnico Gaguito não brinca em serviço e fez o pacto com o capiroto para o atacante Christian Benteke fazer gol todo jogo. O estilo de jogo do técnico Gaguito é indescritível. Ele é daqueles que vai la e faz gol. Ofensivo? Ta mais pra abusivo. Ele vai te usar. Por isso, recomendo que todos os adversários vão se benzer antes de enfrentar os Spurs, porque quando o Benteke começa, ele não para.

 

Jornalismo Craque Digital – Guilherme Molledo  

Leave a Reply

You must be logged in to post a comment.